O Cazaquistão recebeu a Bélgica na Astana Arena, em Nursultan, neste domingo, na 8ª rodada do Grupo I nas eliminatórias para a UEFA EURO. A Bélgica já havia garantido seu lugar no Campeonato Europeu 2020 na quinta-feira passada com uma vitória por 9-0 sobre São Marinho. No Cazaquistão, se os Diabos Vermelhos não tinham a mesma fome de gols, pelo menos mantiveram 100% de sucesso na fase de qualificação ao vencer o Cazaquistão por 2 a 0 fora. Michy Batshuayi e Thomas Meunier marcaram os gols da Bélgica.

A equipe de Roberto Martínez agora tem oito vitórias em oito jogos do Grupo I na fase de qualificação e agora soma 24 pontos. Em termos de gols, a equipe nacional também lidera as estatísticas, com 30 gols marcados e uma média absurda de 3,75 por jogo. Então o que isso quer dizer? Bem, nada para ser honesto. O grupo I é um dos mais fracos de todo o torneio. As estatísticas são legais, mas a equipe de Martinez terá que prová-las no próximo ano, à frente de boas seleções. O Cazaquistão tem sete pontos sem chance de classificação

A equipe da casa ainda começou o jogo tentando ter mais iniciativa do que os visitantes, mas foi Batshuayi quem abriu o placar aos 21 minutos. O atacante do Chelsea aproveitou um passe precioso de Dennis Praet, que joga no Leicester, para vencer o goleiro Nepogodov. 0-1 Bélgica.

Mesmo com o placar aberto, o jogo continuou um pouco quente e o segundo gol só saiu no segundo tempo, quando os Diabos Vermelhos mantiveram mais posse de bola e foram mais agressivos que os anfitriões. Eden Hazard foi o arquiteto da jogada, quando ele passou para Meunier pela ponta esquerda e ele venceu o goleiro cazaque, fazendo 0-2 da Bélgica com 8 do segundo tempo no relógio.

Após a vitória fora por 2 x 0, a Bélgica ainda tem dois jogos no Grupo I. O próximo jogo será também fora, contra a Rússia.

Tags :

    Popular

    LEAGUES

    Leave a comment

    Your email address will not be published. Required fields are marked *

    This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.